Sunday, March 30, 2014

Acre também quer se anexar à Rússia

by Pedro Tolentino

RIO BRANCO, Acre (BP) - No dia 16 de Abril, os habitantes da Criméia aprovaram, em um referendo, a anexação da região à Rússia.  No dia 18, foi assinado o tratado de anexação da península ucraniana à Federação Russa.
Apenas duas semanas após os acontecimentos na Criméia foi a vez do estado do Acre, no Brasil, anunciar que também pretende se anexar à Rússia.  O anúncio foi feito ontem pelo governador do estado, Tião Viana, em comunicado oficial por rádio e TV.
A votação na assembleia legislativa ocorrerá na próxima terça feira e, caso a proposta seja aprovada, um referendo popular deverá ser realizado ainda em Abril.
Segundo o cientista político Anthony Andrade, as chances de tal anexação ocorrer de fato são grandes.  Logo após o anúncio uma multidão ocupou a praça Plácido de Castro, em Rio Branco, carregando bandeiras russas, garrafas de vodca e cartazes com fotos da tenista Maria Sharapova. 

O estado do Acre é parte do Brasil desde 1903, antes disso o estado pertencia à Bolívia.  Insatisfeitos com a administração brasileira, os acrianos esperam que a anexação à Rússia possa trazer mais investimentos para a região.  Além disso, os acrianos também se sentem um pouco esquecidos por Brasília e pela Rede Globo: “Aqui a novela das 21:00 começa às 18:00”, comentou um rapaz durante a comemoração na Plácido de Castro.
O presidente russo Vladmir Putin esteve em Rio Branco há pouco mais de um mês, especula-se que foi nesta visita que Putin convenceu Viana a forçar um referendo.  Durante a visita, Putin fez de tudo para agradar os acrianos, se deixou fotografar extraindo látex de uma seringueira e participou de um ritual do Santo Daime.

No final da visita Putin anunciou que pretende retornar a Rio Branco após o referendo para comemorar a anexação da nova província. Para delírio dos acrianos, Putin prometeu voltar com a Sharapova a tiracolo.


 curta o post
 curta o blog